Notícias

Vestibular 2021 da UEL terá adaptações no formato por causa do coronavírus


Brasil Net

A proposta prevê a realização do concurso em uma única fase e somente em Londrina

Foto: Arquivo/COM/UEL
As inscrições deverão ser abertas a partir de setembro

O Vestibular 2021 da Universidade Estadual de Londrina (UEL), no norte do Paraná, terá adaptações no formato por causa da pandemia causada pelo novo coronavírus.

A Coordenadoria de Processos Seletivos (COPS) finalizou uma proposta de alteração do calendário e do formato do vestibular 2021, em virtude da exigência para se ter precaução em eventos que possam provocar aglomeração de pessoas.

A proposta, que ainda deverá ser submetida à aprovação por parte do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEPE), prevê a realização do concurso em uma única fase, em data a ser agendada a partir do final de janeiro do ano que vem.

Conforme a universidade, as provas serão realizadas somente em Londrina, e não em Curitiba e Cascavel, como no último concurso.

As inscrições deverão ser abertas a partir de setembro, e a intenção é não aumentar o custo do vestibular.

A universidade informou que até a reunião do CEPE, que deverá ser agendada em junho, a equipe da Cops deverá concluir o modelo definitivo do concurso com o prazo para inscrições, data da prova e como deverão ser realizadas.

Essas definições dependem de fatores externos como as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) e a realização das Eleições Municipais - marcada para os dias 4 e 25 de outubro.

Segundo a UEL, no ano passado, o Vestibular 2020 registrou mais de 22,5 mil candidatos inscritos, de todos os estados brasileiros e também do Distrito Federal. As provas foram realizadas em outubro e em dezembro.

CN INSTITUCIONAL


Fonte: *Redação Cornélio Notícias, com informações do G1 Paraná
Novidades Faccrei