Notícias

Polícia Civil prende suspeito de assalto à jornalista durante transmissão ao vivo em São Paulo


Brasil Net

O assalto ocorreu quando a repórter Bruna Macedo fazia uma reportagem sobre o nível das águas do Rio Tietê após as fortes chuvas da noite anterior

Foto: Reprodução
Repórter da CNN foi assaltada enquanto estava no ar

A Polícia Civil de São Paulo prendeu um homem de 40 anos suspeito de assalto a uma jornalista da CNN durante transmissão ao vivo no sábado. O suspeito foi preso cinco horas depois do assalto, depois de ter sido reconhecido pela jornalista da CNN, Bruna Macedo.

O assalto ocorreu quando Bruna fazia uma reportagem sobre o nível das águas do Rio Tietê após as fortes chuvas da noite anterior. Ela conversava com o apresentador Rafael Colombo e foi tirada do ar logo após a abordagem.

O assaltante ameaçou a jornalista com uma faca, escondida debaixo de um cobertor, e levou dois celulares.

O suspeito foi encontrado com o mesmo cobertor usado no assalto nas proximidades da estação Tietê do Metrô. Ele foi levado ao 2º DP, no Bom Retiro, onde foi registrado o boletim de ocorrência. Os celulares da jornalista não haviam sido encontrados até o início da noite de domingo.

CN INSTITUCIONAL


Fonte: *Redação Cornélio Notícias, com informações do Portal Extra Online
Novidades Faccrei