Notícias

Médica procopense e noivo perdem a vida em acidente no interior de São Paulo


Brasil Net

Fernanda Coimbra Pacheco, natural de Cornélio Procópio e Abner Brito Santos Donato tinham 31 anos

Foto: A Cidade Neon
O carro em que estavam atravessou a pista e bateu de frente com caminhão

Um grave acidente na Rodovia Engenheiro Thales de Lorena Peixoto Júnior (SP-318), em São Carlos (SP), no fim da tarde de terça-feira (8), envolvendo um veículo Volkswagen Up! e uma carreta Mercedes-Benz, tirou a vida do casal de médicos Fernanda Coimbra Pacheco e Abner Brito Santos Donato, noivos e ambos com 31 anos de idade.

De acordo com a Polícia Militar Rodoviária (PMRv), a colisão entre os veículos foi frontal e ocorreu próximo ao Museu da TAM.

Segundo os policiais, o motorista do caminhão disse que tentou evitar a colisão, mas por conta das condições na pista – chovia no momento do acidente – não foi possível.

Conforme relato dos policiais, o carro, que estava na pista contrária, rodou e invadiu a via em que o caminhão trafegava, batendo de frente e ficou completamente destruído.

Fernanda era natural de Cornélio Procópio e estava de casamento marcado com Abner para março do ano que vem.

Fernanda formada pela Universidade de Marília (UNIMAR), atuava como neurologista no Ambulatório Médico de Especialidades de São Carlos (AME). Já Donato era médico nuclear e dono de uma clínica em Guanambi (BA). Ambos trabalhavam em São Carlos e voltavam para Ribeirão Preto onde moravam.

No currículo de Fernanda consta que ela já trabalhou no Hospital Dia em Indaiatuba, no Hospital Augusto de Oliveira Camargo e no Hospital Albert Sabin, em Atibaia.

O corpo da neurologista foi velado em São Paulo, enquanto o corpo do médico foi enterrado em Guanambi.

 


Fonte: *Redação Cornélio Notícias, com informações dos portais São Carlos Agora, G1 e Estradas
Novidades Faccrei




Comente utilizando seu facebook