Notícias

Mercado paranaense de bebidas emprega 5 mil pessoas e ganha projeção nacional


Brasil Net

De acordo com dados da FIEP, o Estado tem 203 fabricantes de bebidas, sendo 142 de bebidas alcoólicas e 61 de bebidas não alcoólicas

Foto: Ari Dias/AEN©
Bebidas paranaenses ganham destaque no mercado nacional

A água mineral Ouro Fino é envasada desde 1898. A fonte fica no município de Campo Largo, na Região Metropolitana de Curitiba, e foi com a aquisição da área pela família Mocellin, na década de 1930, que a água pura da marca começou chegar à mesa dos paranaenses. O nome da fonte remonta ao tempo dos índios que ali habitavam e a batizaram assim porque lá podiam encontrar um "ouro muito fino". Mas a riqueza maior da mina sempre foi a água.

Em mais uma reportagem da série que apresenta produtos Feitos no Paraná, é hora de conhecer algumas empresas do setor de bebidas do Estado. De acordo com dados da Federação das Indústrias do Estado do Paraná (FIEP), há no território paranaense 203 fabricantes de bebidas, sendo 142 de bebidas alcoólicas e 61 de não alcoólicas. Juntas, geram cerca de 5 mil empregos diretos.

Uma das expoentes é a Ouro Fino. Marcelo Henrique Marques, CEO da empresa, se orgulha em contar que a água que sai da fonte hoje tem as mesmas propriedades daquela extraída há mais de um século.

“Temos uma estância hidromineral com mais de 6 milhões de metros quadrados de área verde. Isso é um dos componentes importantes para nossa sustentabilidade no longo prazo. Desafio quem, no Brasil, tem no mesmo lugar todos os pilares que nós temos: área protegida que garante a riqueza das fontes e água mineral pura, sem contaminantes biológicos”, afirma.

Com 120 anos de história, a Ouro Fino continua sendo uma empresa familiar. Atualmente, a terceira geração da família está no comando dos negócios. Eles empregam cerca de 250 funcionários e geram aproximadamente 2.500 empregos indiretos.

O negócio principal é a comercialização de águas, nos mais diferentes formatos e tamanhos de embalagens. A empresa é líder absoluta no mercado de águas no Estado e figura entre as dez maiores de água mineral do Brasil. “Nossa meta é, até o final de 2022, ocupar o quarto lugar no ranking nacional”, conta Marques.

A empresa também produz as chamadas águas funcionais (com sabores e ricas em algumas vitaminas e colágeno), além de uma linha de energéticos comercializada com a marca Insano.

A estância onde a Ouro Fino está instalada também é aberta à visitação pública. “Esta foi uma ideia visionária de dona Dedé Mocellin, que acreditava que este espaço não poderia ficar restrito à família. Assim, ela pensou em cada detalhe e fez desta estância o que é hoje”, diz Marques.

Pagando uma pequena taxa de entrada é possível percorrer as diferentes trilhas do local, sempre apreciando a natureza preservada e exuberante. Há piscinas de água mineral que podem ser usadas pelos visitantes, além de churrasqueiras. Até o início da pandemia, a estância recebia, anualmente, cerca de 60 mil pessoas. Hoje o espaço continua aberto à visitação, mas com restrições.

CN INSTITUCIONAL


Fonte: *Redação Cornélio Notícias, com informações da Agência Estadual de Notícias