Notícias

Em Cornélio Procópio, PM evita tragédia no Conjunto Ayrton Senna


Brasil Net

Um homem em posse de duas armas desobedeceu os policiais após ameaçar o filho de 14 anos

Foto: Divulgação/PM
Os policiais desarmaram o suspeito em uma rápida e corajosa ação

Um homem de 66 anos de idade foi preso pela Polícia Militar após ameaçar o próprio filho no início da noite do último sábado (6), em Cornélio Procópio.
Segundo a PM, por volta das 19 horas, a central da 1ª Companhia começou a receber ligações de moradores da Rua Monte Carlo, que solicitavam a imediata presença dede uma equipe na casa de um vizinho, que segundo eles, estaria estava em posse de arma de fogo ameaçando seu filho de 14 anos por um motivo banal.
Rapidamente uma equipe foi enviada ao local e ao chegar logo visualizou o denunciado no portão de sua residência em posse da arma, uma espingarda tipo cartucheira.
De imediato a equipe deu voz de abordagem ao indivíduo, solicitando que ele colocasse armamento ao chão, porém não ele não acatou, levando a ocorrência a momentos de tensão.
De acordo com a PM, foi necessário repetir as ordens por diversas vezes até o momento em que o homem colocou as mãos em direção a sua barriga, próximo ao local onde a equipe visualizou um volume suspeito.
Agindo de forma rápida e corajosa, a equipe então conteve o indivíduo e evitou uma tragédia.
Após ser desarmado e revistado, foi verificado que o volume o qual ele tentava acessar se tratava de mais um armamento, sendo uma garrucha calibre .22, que estava dentro de uma cinta elástica.
Com o indivíduo também foram encontradas diversas munições intactas de calibres .22 e .44, informou a PM.
Os policiais ainda buscaram mais armas ou munições no interior da casa, mas o abordado se negou a indicar onde poderiam estar, mas nas gavetas de uma cama foram encontradas diversas embalagens contendo munições de calibres, sendo 10 de calibre 32, 85 de calibre 22, duas munições calibre 63.5 mm, 10 munições de calibre .36 recarregadas de forma artesanal e 9 munições no calibre .44 de uso restrito utilizado em cartucheira calibre 36, munições estas todas intactas e prontas para o uso.
Além disso os policiais encontram também duas munições deflagradas no calibre .36.
Diante disso, o abordado foi encaminhado até a Santa Casa de misericórdia de Cornélio Procópio para que passasse por exame de corpo delito e em seguida foi levado até a 11ª SDP, onde também esteve presente a vítima acompanhada pela mãe, informou a PM.

 


Fonte: Redação Cornélio Notícias, com informações do Setor de Comunicação Social da Polícia Militar
CN INSTITUCIONAL