Notícias

Voluntários que iriam para RS denunciam mulher por estelionato


Brasil Net

Segundo a queixa registrada, ela teria arrecadado R$ 15 mil para a viagem, que foi cancelada

Foto: Divulgação
A mulher não devolveu o dinheiro

Uma mulher que se propôs a liderar voluntários para ajudar nas enchentes no Rio Grande do Sul foi denunciada por estelionato na delegacia de Maringá.
Segundo a queixa registrada, ela teria arrecadado R$ 15 mil para a viagem, que foi cancelada um dia antes e não devolveu o dinheiro.
As pessoas que se sentiram lesadas e procuraram a polícia, relataram que a mulher se ofereceu para auxiliá-las com o transporte.
Ela assumiu a responsabilidade de providenciar um ônibus, enquanto os voluntários pagariam as despesas com combustível e comida.
Além disso, foram arrecadados donativos para as famílias desabrigadas.
Conforme o combinado, os voluntários passaram a fazer transferências via PIX para a conta pessoal da suspeita.
A viagem estava agendada para ocorrer na quarta-feira (14), mas foi cancelada um dia antes.
A mulher alegou que poderia estar grávida e por questões de saúde, não poderia mais realizar a viagem.
Com receio de serem vítimas de um golpe, o grupo acionou a polícia.
As doações foram recolhidas e transportadas por caminhão para o PROVOPAR.
O advogado da mulher afirmou que o valor repassado pelos voluntários seria de aproximadamente R$ 2 mil e não R$ 15 mil como registrado e garantiu que o dinheiro será devolvido.
O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.

 

FACCREI - VESTIBULAR


Fonte: Redação Cornélio Notícias, com informações do GMC Online
CN INSTITUCIONAL